COMO SURGIU “ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS”

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

Mojica1

A fotografia acima, feita pelo fotógrafo Charles Lutwidge Dodgson, é da garotinha Alice Liddel, sua modelo. Recebeu o nome de A Pequena Mendiga. Ela posou quando tinha 7 anos, em 1859.

Alice traz um corte de cabelo masculino, incomum para a época e tem os pés descalços. Naquela época, pés descalços tinham duplo significado: pobreza ou disponibilidade sexual. Seu olhar desafiante olha diretamente para o observador. Ela se encontra diante de um muro de pedras, já bem gasto pelo tempo, o que contrasta com a delicadeza de sua pele. A mão direita da garota, em formato de concha, mostra a sua condição de pobreza. Suas vestes estão rotas.

Além de posar para Charles, Alice Liddel teve uma grande influência em sua vida: inspirou a série Alice, embora a menina da ilustração do livro não se pareça com ela.

Tudo aconteceu de uma forma muito interessante. Quando viajava de barco através do Tâmisa, tendo Alice e suas irmãs Lorina e Edith como companhia, Charles Lutwidge Dodgson, para entreter as crianças, inventou uma história sobre uma garotinha que caíra na toca de um coelho, em um mundo de fantasias. Alice então pediu ao fotógrafo que escrevesse aquela história.  Cedendo aos caprichos da garota, Charles escreveu a história, dando-lhe o nome de As Aventuras de Alice Debaixo da Terra, e lhe deu de presente de Natal, em 1864. No ano seguinte, influenciado pelos amigos, Charles publicou o livro com o nome de Alice no País das Maravilhas, tendo ele o pseudônimo de Lewis Carroll, também fez o acréscimo de novos episódios, introduzindo novos personagens como o Chapeleiro Maluco e o Gato de Cheshire.

Assim nasceu Alice no País das Maravilhas, tornando-se um clássico da literatura infantil, sendo lido por adultos, jovens e crianças. A sequência do livro chama-se Alice do Outro Lado do Espelho.

Fontes de pesquisa:
Tudo sobre fotografia/ Editora Sextante
Wikipédia

2 comentários sobre “COMO SURGIU “ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS”

    1. LuDiasBH Autor do post

      Matê

      Como a vida dá voltas…
      Onde Charles Lutwidge Dodgson poderia imaginar que fosse fazer tanto sucesso com um livro nascido de uma brincadeira?
      É uma pena que o ilustrador não tenha usado a real modelo.

      Beijos,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *