Fábulas – CURTAS E RASTEIRAS (XX)

Autoria de LuDiasBH

obeijo

  1. O Casamento do Sol e da Lua

O deus Júpiter resolveu casar o Sol com a Lua, para que dessem crias a mais Sóis, uma vez que o Universo andava com falta de luz. E foi por isso que, depois de tal anúncio, todos os bichos passaram a festejar as núpcias com estrondosa alegria. Mas nem todos eles, é bom que se diga, pois uma velha rã, ao ver tanto reboliço à sua volta, lamentou a tolice de seus companheiros, pois se um sol já secava plantações, rios e lagoas, o que não faria mais de um?

Moral da história
Certos indivíduos festejam sem analisar o desdobrar dos fatos, e acabam pagando um preço muito caro.

  1. O Caçador, o Sabiá e a Serpente

Certo homem era a maldade em pessoa. Gostava, sobretudo, de caçar passarinhos e aprisioná-los. De uma feita, viu um sabiá numa árvore e lá foi ele tentar fixar uma armadilha para prender o pequenino. Mas enquanto subia através dos galhos, foi picado por uma cascavel que dormia sossegadamente, antes de ele ali chegar. O infeliz malvado morreu poucas horas depois, sob o trinado alegre do sabiá.

Moral da história
Aquele, que maquina a maldade contra outrem, pode ser preso em sua própria teia.

  1. O Cavalo e o Tempo

Não havia quem não admirasse a beleza e a força de certo cavalo baio, campeão de um sem conta de corridas. Em seu nome, seu dono ganhara inúmeras medalhas e muito dinheiro. Contudo, maior do que sua glória era sua empáfia. Recusava-se a conversar com qualquer um de seus irmãos, julgando-os inferiores. Mas o arrogante quebrou a perna e não pode mais correr. Seu dono vendeu-o para uma moenda, onde gemia sob o peso da roda.

Moral da história
O amanhã é sempre incerto. Que os tolos, soberbos e prepotentes acordem para isso.

  1. O Homem e a Mordida do Cão

Passando despercebido diante de um portão, certo homem levou na perna esquerda uma forte dentada de um cão. Saiu em busca de socorro até encontrar um curandeiro, que o aconselhou passar um pedaço de pão no local afetado, ainda a escorrer sangue, e jogá-lo ao cão que o mordera. Mas esse relutou sob o argumento de que, se assim o fizesse, todos os cães da cidade iriam a seu encalço, em busca de comida.

Moral da história
É preciso prestar atenção nos conselhos, para que o mal não se torne ainda maior.

  1. A Mosca e o Touro

Uma mosca, com a barriga cheia de melado, resolveu procurar um animal para apoquentar. O primeiro que encontrou pela frente foi um touro. Pousou nos seus chifres, pulando de um para outro. Já cansada, avisou ao bovino que estava de partida. Ele lhe respondeu que nem sabia que ela ali se encontrava.

Moral da história
Existem pessoas que são tão insípidas, cuja presença não acrescenta nada à vida de outrem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *