Klee – DIANTE DAS PORTAS DE KAIRUAN

Autoria de LuDiasBH

didapodeka

O trabalho denominado Diante das Portas de Kairuan, ou Às Portas de Kairuan, é uma obra de temática naturalista do artista suíço Paul Klee. O artista fez esta pintura no mesmo dia em que registrou em seu diário que tinha certeza de ter se tornado um pintor (16/04/1914).

Esta composição, com superfícies de cores suaves e iluminadas,  que se sobrepõem para conceber uma paisagem, com o panorama de uma cidade,  já mostra a influência recebida pela artista, após conhecer o norte luminoso da África. Depois de sua visita à Tunísia, país mediterrâneo, ele reformula sua concepção sobre a luz.  Passa a fazer uso das cores com mais liberdade e entusiamo.

Em sua abstrata e poética pintura, Klee apresenta-nos uma paisagem com um mínimo de traços possível. É surpreendente perceber que aí se encontram uma mesquita, dois camelos, um burro, umas colinas e algumas pessoas. Tomando por base elementos realistas, o pintor, usando apenas linhas e cores em sua abstração, cria uma paisagem extremamente delicada, que podemos chamar de poesia visual.

No primeiro olhar, que o observador lança à tela, ele vê apenas blocos coloridos, com o céu e a terra formando um todo, mas assim que sua vista vai se acostumando, os elementos vão se separando progressivamente e tomando diferentes formas. Portanto, aguce seu olhar.

Ficha técnica
Ano: 1914
Técnica: aquarela sobre papel sobre cartão
Dimensões: 20,7 x 31,5 cm
Localização: Museu de Arte, Berna, Suíça

Fontes de pesquisa
Gênios da pintura/ Abril Cultural
Paul Klee/ Taschen

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *