Matisse – NU AZUL

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

Matisse12345679

O que mais me interessa é a figura e não a natureza-morta ou a paisagem. É nela que atinjo a minha melhor forma. Poder-se-ia dizer que possuo um certo sentimento relioso peculiar perante a vida. (Matisse)

A composição simbolista Nu Azul, com subtítulo Recordação de Biskra, foi pintada após o regresso de Matisse da Argélia, onde entrou em contato com as cores e a luz do norte da África.

A mulher possui seios rígidos e arredondados. Suas nádegas são empinadas e também esféricas. Seu tronco é alongado. O corpo posiciona-se numa difícil torção corporal, que parece ser visto de cima, mais se parecendo com uma escultura. Enquanto trabalhava em sua tela Nu Azul, o pintor, simultaneamente fazia a escultura Nu Deitado, usando a mesma posição.

A figura parece gigantesca dentro da tela, repassando certa sensão de impetuosidade. Ao se reclinar na grama, uma sombra é projetada por seu corpo colossal. E, como queria o pintor, ela se torna dominante na composição.

Em volta da figura há folhas e flores. Ao fundo, a paisagem apresenta palmeiras estilizadas, únicas indicações do local. Tais elementos acompanham as formas arredondas da figura.

Embora a pintura possa parecer inacabada, esse era o resultado almejado pelo pintor, como fazia Cézanne em suas obras.

Ficha técnica
Ano: 1907
Técnica: óleo sobre tela
Dimensões: 92 x 141 cm
Localização: Museum of Art, Baltimore, EUA

Fontes de Pesquisa
Matisse/ Abril Coleções
Matisse/ Coleção Folha
Matisse/ Taschen

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *