MINHA AYAHUASCA

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH ayaus

É tão forte a fragrância que tu exalas,
mesmo longe dos meus desejos turvos.
Sinto-te em quaisquer veios do mundo,
pois teu cheiro é único em meio a tudo.

Como se tomada por um alucinógeno,
ignoro se és um ser terrestre ou divino.
Eu te sinto me incorporar neste transe,
quer como deus, anjo ou menino.

És sábio xamã deste corpo entorpecido,
ser respeitado por razão e sentidos, que
viaja nas minhas mais loucas emoções.

Meu doce amor, controvertido veneno,
mantenha-me nesta melíflua overdose,
envolta em tão extasiantes sensações.

2 comentários sobre “MINHA AYAHUASCA

  1. Marco

    Lu, que história é essa de tomar ayahuasca? É alucinógeno! Pode matar tanto quem a utiliza como as pessoas alvo do surto de quem a consumiu. Nenhum médico serio recomenda misturar essa substância com medicamentos alopáticos. Eu, hein!

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Marco

      Quem acabou de tomar “ayahuasca” foi você, menino… kkkkk.
      Não sabia que eu sou poetisa, e, que os poetas podem tudo através da imaginação? No poema eu falo de um amor tão forte, que é como se ele fosse para mim uma “ayahuasca”, pois me toma todos os sentidos. Você nunca viveu um amor assim, mesmo na sua adolescência? Acredito piamente que esteja brincando comigo, ao dizer: “Com essa, já percebi que esse lugar não é para mim mesmo! Eu, hein!”… kkkk

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *