OLÊ, OLÁ

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

chicob1

Acho que a canção trazia uma coisa além de “Pedro Pedreiro”. Eu me lembro de que fiquei uns três ou quatro meses sem mostrar a ninguém. (Chico Buarque)

Foi num show em que cantava Olé, Olá que Chico Buarque ficou conhecendo Caetano Veloso. O compositor e cantor baiano  apaixonou-se pela melodia da música e pela destreza com que o novo amigo conduzia a letra.

Olê, Olá foi composta em 1965 e gravada no primeiro LP de Chico, denominado Chico Buarque de Hollanda, em 1966.

Olê, Olá
Autoria: Chico Buarque
Intérprete: Chico Buarque

Não chore ainda não
Que eu tenho um violão
E nós vamos cantar
Felicidade aqui
Pode passar e ouvir
E se ela for de samba
Há de querer ficar
Seu padre, toca o sino
Que é pra todo mundo saber
Que a noite é criança
Que o samba é menino
Que a dor é tão velha
Que pode morrer
Olê olê olê olá
Tem samba de sobra
Quem sabe sambar
Que entre na roda
Que mostre o gingado
Mas muito cuidado
Não vale chorar
Não chore ainda não
Que eu tenho uma razão
Pra você não chorar
Amiga, me perdoa
Se eu insisto à toa
Mas a vida é boa
Para quem cantar
Meu pinho, toca forte
Que é pra todo mundo acordar
Não fale da vida
Nem fale da morte
Tem dó da menina
Não deixa chorar
Olê, olê, olê, olá
Tem samba de sobra
Quem sabe sambar
Que entre na roda
Que mostre o gingado
Mas muito cuidado
Não vale chorar
Não chore ainda não
Que eu tenho a impressão
Que o samba vem aí
E um samba tão imenso
Que eu às vezes penso
Que o próprio tempo
Vai parar pra ouvir
Luar, espere um pouco
Que é pra o meu samba poder chegar
Eu sei que o violão
Está fraco, está rouco
Mas a minha voz
Não cansou de chamar
Olê olê olê olá
Tem samba de sobra
Ninguém quer sambar
Não há mais quem cante
Nem há mais lugar
O sol chegou antes
Do samba chegar
Quem passa nem liga
Já vai trabalhar
E você, minha amiga,
Já pode chorar

Nota: ouçam a música: http://letras.mus.br/chico-buarque/45157/

Fontes de pesquisa:
Chico Buarque/ Wagner Homem/ Editora LeYa
Coleção Chico Buarque/ Editora Abril

4 comentários sobre “OLÊ, OLÁ

  1. Hila Flávia

    Lu, o Chico Buarque, Caetano, Gil e eu regulamos idade. Olha que turma tenho. Existem uns menos votados, nascidos no meio da guerra. II guerra, não I. Enfim, olha o vexame que passei. Mico, como dizem meus netos. Nem contei para eles que pago mico desde nova. Eles acham que é coisa de idade senil: Quando o Chico veio cantar em BH, novinho que só vendo, já com o MPB4 acompanhando, fui eu, mais o João. Ficamos na terceira do Teatro da Imprensa Oficial, que depois foi reformado e acho que se chama Clara Nunes hoje. Pertinho do belezura. Começou o show e comecei a ficar engasgada. Mas fui aguentando firme. A terceira música foi BENVINDA e desmontei. Comecei a chorar alto, com as lágrimas brotando nos olhos que nem ducha, molhando a cara. E mais, soluçando desesperadamente. Nem o lenço do João deu jeito. Um vizinho me emprestou um também. O Chico botou aqueles olhos verdes em mim e aí que chorei mesmo. Ele fez uma pausa, fui tomar água e voltei mais calma, sem dar mais ataques. Saí com todo mundo olhando e voltei na maior cara de pau.

    Pensou? Depois dei poucos ataques em teatro. Só, que lembro, no show do MPB4 com o QUARTETO EM SI chamado Cobra de Vidro, quando eles cantaram ANGÈLICA, Quase morri de chorar. Depois quase morri de rir na peça UM TREM CHAMADO DESEJO, do Grupo Galpão e escutando, de pertinho o Charles Aznavour, chorei novamente. Também me acabei com duas peças de teatro: NAVALHA NA CARNE, com a Tônia Carreiro e os PEQUENOS BURGUESES, Com o Grupo Oficina. Atualmente estou até mais comedida. Só não sei o que acontecerá se me deparar com o Cristiano Ronaldo, meu atual chamego. Eu, hein?

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Hila

      Estou aqui gargalhando com o seu comentário, imaginando a cena.
      Haja lenços para tantas lágrimas.
      O João tem que impedir que você vá a shows, sob o risco de “derramar o mar pelos olhos”.
      Mas chorar pela belezura do Chico Buarque vale a pena.
      Ele é muito fofo! E que poeta, meu Deus!
      Chico e Elis Regina sempre foram o meu xodó.

      Sou meio durona na queda.
      Não sou de chorar com facilidade.
      Acho que me endureci, embora não tenha perdido a ternura, como ensinou Guevara.

      Cristiano Ronaldo… uau!
      Mas você não iria aguentar a vaidade do moço, se passasse um dia com ele.
      Dizem que usa cremes, você não iria aguentar tanta frescura.
      Continue com Chico e seus olhos verdes… risos.

      Abraços,

      Lu

      Responder
      1. Hila Flávia

        Mas não quero passar um dia com ele. Só ver as jogadas e os gols. Meu neto mais novo foi ver um jogo dele no Santiago Bernabeu e adorou. Disse meu neto que o peça lá fez dois gols para a vovó. !!!!!!!

        Responder
        1. LuDiasBH Autor do post

          Hila

          Você é ótima!
          Tomara que o peça não faça nada na Copa… risos.

          Abraços,

          Lu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *