RANKING – MAIS 100 BONS FILMES / WESTERN

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de Moacyr Praxedes

quacavVários amantes do Cinema escolheram os melhores filmes de todos os tempos do gênero Western, dando-lhes uma nota de 1 a 10, conforme explica o blog Melhores Filmes:

Para chegar a esta lista de filmes, foi realizada uma pesquisa minuciosa com livros de cinema, em sites e revistas internacionais especializadas, e levou-se em consideração também a premiação em festivais e críticas em importantes veículos mundiais. A cada filme, foi atribuída uma nota, de acordo com a média formulada a partir da pesquisa inicial e do peso que cada obra contém na história do cinema mundial. (http://melhoresfilmes.com.br/generos/western)

Ranking / Filme / Diretor

101º – Silverado  (Lawrence Kasdan)
102º – A Proposta  (John Hillcoat)
103º – O Céu Mandou Alguém  (John Ford)
104º – Homem Sem Rumo  (King Vidor)
105º – Minha Vontade É Lei  (Edward Dmytryk)
106º – A Última Carroça  (Delmer Daves)
107º – Os Indomáveis  (James Mangold)
108º – Três Enterros  (Tommy Lee Jones)
109º – A Lança Partida  (Edward Dmytryk)
110º – O Assas. de J. James pelo Covarde R. Ford  (Andrew Dominik)
111º – Caminhos Ásperos  (John Farrow)
112º – El Topo  (Alejandro Jodorowsky)
113º – Dívida de Sangue  (Elliot Silverstein)
114º – O Cavalo de Ferro  (John Ford)
115º – E o Bravo Ficou Só  (Tom Gries)
116º – No Tempo da Onça  (Edward Buzzell)
117º – O Caminho do Diabo  (Anthony Mann)
118º – Os Inconquistáveis  (Cecil B. DeMille)
119º – Companheiros  (Sergio Corbucci)
120º – A Conquista do Oeste  (John Ford)
121º – The Tracker  (Rolf de Heer)
122º – Os Bandeirantes  (James Cruze)
123º – Pat Garrett e Billy the Kid  (Sam Peckinpah)
124º – Quando Explode a Vingança  (Sergio Leone)
125º – O Cavaleiro Solitário  (Clint Eastwood)
126º – A Volta de Frank James  (Fritz Lang)
127º – Os Filhos de Katie Elder  (Henry Hathaway)
128º – Embrutecidos pela Violência  (Raoul Walsh)
129º  – Rio Lobo  (Howard Hawks)
130º – Django  (Sergio Corbucci)
131º – The Trail of ’98  (Clarence Brown)
132º – A Noite da Emboscada  (Robert Mulligan)
133º – Jogada Decisiva  (Fielder Cook)
134º – Os Abutres Têm Fome  (Don Siegel)
135º – Ao Despertar da Paixão  (Delmer Daves)
136º – Os Aventureiros do Ouro  (Joshua Logan)
137º – Estigma da Crueldade  (Henry King)
138º – Os Conquistadores  (Fritz Lang)
139º – O Tiro Certo  (Monte Hellman)
140º – Dez Segundos de Perigo  (Sam Peckinpah)
141º – A Morte Anda a Cavalo  (Giulio Petroni)
142º – O Último Pôr-do-Sol  (Robert Aldrich)
143º – O Valente Treme-Treme  (Norman Z. McLeod)
144º – Balas Que Não Erram  (Jack Arnold)
145º – O Bom, o Mau, o Bizarro  (Kim Ji-Woon)
146º – Roy Bean – O Homem da Lei  (John Huston)
147º – Choque de Ódios  (Jacques Tourneur)
148º – Nevada Smith  (Henry Hathaway)
149º – Escravos da Ambição  (S. Sylvan Simon)
150º – Correio do Inferno  (Henry Hathaway)
151º – À Borda da Morte  (Robert D. Webb)
152º – The Overlanders  (Harry Watt)
153º – A Marca da Forca  (Ted Post)
154º – Herança de um Valente  (George T. Miller)
155º – Rio Conchos  (Gordon Douglas)
156º – Má Companhia  (Robert Benton)
157º – Meek’s Cutoff  (Kelly Reichardt)
158º – Rose-Marie  (W.S. Van Dyke)
159º – Assim São os Fortes  (William A. Wellman)
160º – Um Cão Chamado Buck  (William A. Wellman)
161º – Alvarez Kelly  (Edward Dmytryk)
162º – Tambores Distantes  (Raoul Walsh)
163º – Um Pecado em Cada Alma  (Rudolph Maté)
164º – A Vingança de um Pistoleiro  (Monte Hellman)
165º – Meu Melhor Companheiro  (Robert Stevenson)
166º – Terra Bruta  (John Ford)
167º – Agora ou Nunca  (Victor Fleming)
168º – Meu Nome É Ninguém  (Tonino Valerii)
169º – Jornadas Heróicas  (Cecil B. DeMille)
170º – Gigantes em Luta  (Burt Kennedy)
171º – As Garçonetes de Harvey  (George Sidney)
172º – O Irresistível Forasteiro  (George Marshall)
173º – Pôquer de Sangue  (Henry Hathaway)
174º – Juramento de Vingança  (Sam Peckinpah)
175º – Honra a um Homem Mau  (Robert Wise)
176º – No Velho Chicago  (Henry King)
177º – Na Mira de um Coração  (George Stevens)
178º – Entardecer Sangrento  (Budd Boetticher)
179º – Quando os Brutos se Defrontam  (Sergio Sollima)
180º – A Fuga do Forte Bravo  (John Sturges)
181º – Beijo Ardente  (Henry King)
182º – Gloriosa Vingança  (George Marshall)
183º – O Filho do Treme-Treme  (Frank Tashlin)
184º – Keoma  (Enzo G. Castellari)
185º – Three Godfathers  (Richard Boleslawski)
186º – No Velho Arizona  (Irving Cummings)
187º – Apache  (Robert Aldrich)
188º – Jardim do Pecado  (Henry Hathaway)
189º – Duelo na Cidade Fantasma  (John Sturges)
190º – Gatilho Relâmpago  (Russell Rouse)
191º – Fúria no Alasca  (Henry Hathaway)
192º – Matei Jesse James  (Samuel Fuller)
193º – Paixão Selvagem  (Jacques Tourneur)
194º – Uma Balada para Jo  (Maggie Greenwald)
195º – À Procura da Vingança  (David Von Ancken)
196º – Appaloosa – Uma Cidade Sem Lei  (Ed Harris)
197º – Os Violentos Vão para o Inferno  (Sergio Corbucci)
198º – Pistoleiro Sem Destino  (Peter Fonda)
199º – O Homem do Colorado  (Henry Levin)
200º – Trinity É o Meu Nome  (Enzo Barboni)
Vejam também RANKING DOS 100 MELHORES FILMES / WESTERN

6 comentários sobre “RANKING – MAIS 100 BONS FILMES / WESTERN

  1. Joacir José Boselli

    Sensacional a sua iniciativa de relacionar os 200 melhores filmes de faroeste. É óbvio que de uma pessoa para outra vai existir divergência. Mas não deixa de ser um ponto de partida para quem, como eu, adora esse gênero.
    Parabéns!

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Joacir

      É um grande prazer recebê-lo aqui no blog.
      Assim como você, adoro cinema, e os faroestes são mesmo impagáveis. Realmente, como diz, qualquer listagem de filmes não atenderá a todos, mas partir de alguns bons já ajuda muito. Nos filmes descritos também existem alguns faroestes.

      Um grande abraço e o desejo de que volte sempre,

      Lu

      Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Oswaldo

      Em primeiro lugar quero agradecer o seu comentário neste blog. Continue sempre nos visitando. Será um prazer contar com a sua presença.

      Realmente, em qualquer listagem dos melhores…, grandes nomes ficam de fora, pois todas elas são feitas sob a ótica de uma determinada pessoa ou grupo. Esse é realmente um grande filme. Mas fica aqui a sua sugestão para os leitores.

      Um grande abraço,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *