Rubens – A TOALETE DE VÊNUS

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH a carta12345

Para atingir a mais alta perfeição na pintura é necessário compreender a arte antiga. (Peter Paul Rubens)

Presume-se que A Toalete de Vênus  tenha sido encomendada por uma galeria de arte privada. Vênus, deusa latina do amor, da formosura e dos prazeres, é representada quase que inteiramente de costas. Seus cabelos dourados estão sendo afagados pela escrava negra postada à sua direita, que quase se funde com o escuro do fundo do quadro.

O rosto da deusa está perfilado e reflete-se, por inteiro, num espelho octaedro, segurado por um robusto anjo nu, de asas escuras e  cabelos cacheados, à sua esquerda, que também pode ser o seu filho Cupido, o deus do amor. Ela traz no braço esquerdo um bracelete de ouro e pedras preciosas e nas orelhas brincos de ouro e pérolas. A sua pele rosada contrasta com o manto vermelho do assento e com o fundo escuro da tela.

Um fino véu cobre parte da nádega direita e parte da frente do corpo rechonchudo e vigoroso da deusa latina. É possível observar que o padrão de beleza da época foge totalmente ao de nossos dias, pois o pintor deixa visível as gordurinhas e culotes da deusa.

Ficha técnica:
Data: c. 1613 – 1614
Técnica: óleo sobre tela
Dimensões: 124 x 98 cm
Localização: Liechtenstein Museum, Viena, Áustria

Fontes de pesquisa:
A história da arte/ E.H. Gombrich
Arte em detalhes/ Publifolha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *