SAUDADES DO BRASIL

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH arara1

Vou-me embora pra outros rincões,
pra me ver livre desta doída saudade,
pois me contaram que esta beldade,
só existe na língua de Camões.

Vou passar a dez milhas de Portugal,
outras mais de Angola e Moçambique,
Timor Leste, S. Tomé e Príncipe, Cabo
Verde e bem longe de Guiné Bissau.

Se tal palavra inexiste no nosso léxico,
nos sentimentos não deveria criar vida.
E, se não é universal a bendita rapariga,
por que não vou  direto para o México?

Vou agora botar no mar a minha nau,
e tomar a direção do distante Oriente.
Deixo a saudade pra todos que ficam,
pois vou fugir depressa deste mal.

Se a língua mãe clamar por sua pátria,
nas cordas do meu coração dilacerado,
volto remando nas asas ágeis do vento,
com o barco de saudades carregado.

Volto apressada para matar a saudade,
essa senhora  insensível, cruel e hostil,
e me arremessarei festiva e por inteiro
nos braços do meu amado Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *