VIA LÁCTEA E PENSAMENTO

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

vialactea

Vou à procura das estrelas,
pois a Terra me dilacera, e
eu não quero mais lutar.

Vou vivificar minha alma,
tão fraquinha e combalida,
que torturei neste lugar.

            ——————–

Percorro o espaço infinito,
por entre forças e o tempo,
que me guiam pra acolá.

Escancho nas asas do vento,
corto a verdura dos campos,
extasiada pelo azul do mar.

Deixo pra trás arranha-céus,
sigo rente aos picos nevados,
sem medo de me machucar.

           ——————–

Stella! Eu alcancei as estrelas,
mesclei-me com a Via Láctea,
e não mais é preciso purgar.

Sou novo e mágico elemento,
sou também o cosmos, o todo,
sou fogo, água, terra e ar.

             ——————–

Quão veloz é o pensamento,
esta nau inflamada de vida,
que persiste em navegar.

Leva-nos pra longe no tempo,
onde saudade e dor ardente
jamais conseguem chegar.

Bendito bote de escape!

Nota: imagem copiada de lenteestelar.blogspot.com

4 comentários sobre “VIA LÁCTEA E PENSAMENTO

  1. Edward Chaddad

    LuDias

    Seus versos emocionam!

    Por vezes, muitas vezes mesmo,
    Diante de muitas infelicidades vividas,
    Dramas que desfilam ao nosso redor,
    Este bote também me levou a pensamentos,
    Repletos de fantasias, de prodigiosa imaginação,
    Ao meio de mistério e infindáveis passeios,
    Vagando por um mundo jamais pensado,
    Buscando um refúgio seguro,
    Onde pudesse sorrir,
    Sem jamais chorar!

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Ed
      Você é também um grande poeta.
      Eis o exemplo acima, no seu comentário.

      Ainda bem que o pensamento lava-nos para longe… e nos acalenta.

      Abraços,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *