POEMA PARA MINHA AMADA

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

med123456

Raios de sol caem-lhe pelo corpo branco,
como um cendal em ouro fino trabalhado.
Seus belos lábios carmesins entreabertos
induzem os pobres dos meus ao pecado.

Seus olhos ágeis de tigresa, embriagados,
açoitam-me com força o apetite da paixão.
Os seios, duas montanhas eretas e macias,
cabem inteiros nos bojos de minhas mãos.

O doirado tinge-lhe o belo corpo desnudo;
os cabelos de ébano no ar faiscam púrpura;
seu púbis delicado é botão aberto em cálice,
oculto pelos ramos suaves da selva bruta.

Minha amada é soberana de um só reino,
é ninfeia e orixá das águas tépidas dos rios,
é flor d’água do meu viver de parcas delícias,
é  o deleite de minha fugaz e incerta vida.

6 comentários em “POEMA PARA MINHA AMADA

  1. Andreza da Silva

    Lu Dias

    Eu amei sua poesia. Gostaria de saber se poderia compartilhar um trecho via Instagram e, se você me permitir, marcar você se possível for.
    De qualquer maneira, darei os créditos. Eu achei formidável a escolha de palavras, sua disposição.

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Andreza

      É um prazer recebê-la neste nosso cantinho. Seja sempre bem-vinda!

      Amiguinha, pode, sim, colocá-la no seu Instagram por inteiro. Não se esqueça de acrescentar entre parênteses o endereço do blogue (virusdaarte.net). Eu ia publicar um livro com poemas meus no final do ano, mas em razão da pandemia, passei para 2021.

      Fico feliz que tenha gostado!

      Vou adicioná-la aos meus contatos também. Sempre que precisar, basta me procurar.

      Beijos,

      Lu

      Responder
  2. Pedro Rui

    Realmente o amor é o que nos faz viver, sem ele seríamos pobres; ainda há muito amor, e muitos irão experimentá-lo e certamente gostarão.
    Lu lindo poema, tudo que vem de ti é lindo.
    Abraços Lu e fica bem.
    Rui Sofia

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Rui

      O sentido da vida está no amor.
      Não apenas no amor a dois, mas também no amor à vida, à natureza, etc.
      Precisamos amar o que fazemos, também.

      Abraços,

      Lu

      Responder
  3. Beto

    Lu,

    Maravilha! O amor e a paixão é tudo que nos mantêm vivos! Alguns mais, outros menos. Mas vivos!

    Abraços,

    Beto

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *