SORRIR TRAZ FELICIDADE?

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

Sorrir traz felicidade – mas só o sorriso verdadeiro consegue fazer isso. O cérebro não se deixa enganar facilmente. (Stefen Klein)

Paul Ekman – pesquisador reconhecido por seus trabalhos no campo das emoções – conseguiu responder a uma pergunta que muitos se fazem: É possível criar sentimentos de felicidade exercitando o sorriso? Ele explica cientificamente que “Sim!”, é possível mudar as disposições de ânimo ao exercer uma influência direta sobre o nosso corpo. O médico coreano Jong Sul Yum – radicado no Brasil desde 1976 – criador da Unibiótica, inclui em seus exercícios alguns minutos dedicados ao riso, já ciente de tal poder. Contudo, é bom saber que não é qualquer tipo de sorriso que induz a felicidade. Faz-se necessário botar em prática o genuíno “sorriso de Duchenne”, pois o nosso cérebro é muito mais esperto do que pensamos. 

O “sorriso de Duchenne” – uma homenagem ao neurologista francês Dr. Duchenne que em 1862 realizou um estudo pioneiro do músculo orbicular do olho – nada mais é do que aquele sorriso grande, sem amarras ou elegância, moldando todo o rosto e isso quando também não balança o corpo. Ele levanta os dois cantos da boca, faz com que as pálpebras se comprimam, desenha um monte de rugas em torno do canto dos olhos (dizem até que é o responsável pelos “pés de galinha”), elevando ligeiramente as partes superiores das maçãs do rosto. E como se toda esta ginástica fosse pouca, esse sorriso gostoso ainda contrai os músculos orbiculares das pálpebras. E mais, ele é tão contagiante que exerce efeito sobre as pessoas em derredor que também costumam sorrir diante de tamanha obra-prima.

Agora que temos o conhecimento sobre o único sorriso tido como verdadeiramente prazenteiro, nenhum sorrisinho amarelo ou sem graça irá mais nos enganar. Será mesmo? Mentira! Cerca de 10% das pessoas são capazes de reproduzir intencionalmente o sorriso de Duchenne, sem treinamento algum, o que o transforma também num sorriso falso, quando assim criado, mas que faz um grande bem ao seu criador. Ainda assim – imagino eu – uma pessoa bem observadora será capaz de captar a falsidade de tal sorriso através do olhar do prazenteiro, carregado de segundas intenções. Nós outros, no intuito de imitar tal sorriso, podemos recorrer a truques, como buscar a lembrança de uma piada engraçada ou a de um fato que nos fez rir muito. E isso nos fará muito bem, pois ajuda a melhorar o nosso humor. Se o sorriso abre portas para o mundo exterior, melhorando os relacionamentos ao atuar como “lubrificantes sociais”, sabemos agora que também escancara as portas que levam ao nosso mundo interior, tornando-o mais festivo.  

Ainda que todo sorriso tenha como característica principal a elevação dos cantos dos lábios, erguidos com o amparo dos músculos da bochecha, o “sorriso de Duchenne” possui algo que o diferencia dos demais: é criado pela emoção positiva, expressa através da união de diferentes músculos da face. Enquanto a maioria dos sorrisos, dentre eles os falsos, atendem à vontade da pessoa, o “sorriso de Duchenne” é incontido, autêntico e, por isso, chamado de “um reflexo das emoções da alma”, pois dele fazem parte os olhos – as janelas da alma.

Ver textos:
COMO VIVENCIAR A FELICIDADE
OS MUITOS TIPOS DE SORRISO
APRENDENDO A SER FELIZ
Nota: imagem copiada de labellepaty.blogspot.com

Fontes de pesquisa
A Fórmula da Felicidade/ Stefan Klein/ Editora Sextante
https://amenteemaravilhosa.com.br/tipos-de-pensamento-intuitivo/

6 pensou em “SORRIR TRAZ FELICIDADE?

  1. Hernando

    Lu

    “O sorriso é a expressão dos olhos quando existe amor dentro do coração”.

    É verdade que o sorriso é uma expressão de sentimento exercida apenas pela espécie humana, pois nenhum outro animal do planeta é capaz dessa façanha. A cada dia observa-se que o sorriso verdadeiro, expressado do fundo do coração está cada vez mais equidistante, talvez as pessoas estejam mais tristes e desanimadas no seu contexto de vida. A esperança, que é uma mola propulsora que estimula a dinâmica da vida em conseguir atingir as metas estabelecidas, tem ficado cada vez mais tímida em virtude do caos político, econômico e social instaurado nesse mundo em que vivemos. Mesmo diante das adversidades da vida devemos buscar encontros felizes com pessoas agradáveis que estejam em sintonia com nossa forma de enxergar a realidade e brindar o milagre da nossa existência com muitos sorrisos e gargalhadas.

    Abraços

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Hernando

      Nós, brasileiros, éramos conhecidos internacionalmente pela nossa alegria, contudo, quedei-me surpresa ao ver uma pesquisa recente em que nos encontramos entre os povos mais desesperançados. Realmente temos razão para uma mudança tão brusca. Estamos todos desalentados com o que ora acontece com o nosso país em todos os sentidos. O número de brasileiros depressivos e ansiosos só faz aumentar. Não sei onde essa crise, sobre tudo moral, irá nos levar. Ainda assim devemos seguir o seu conselho:

      “Mesmo diante das adversidades da vida devemos buscar encontros felizes com pessoas agradáveis que estejam em sintonia com nossa forma de enxergar a realidade e brindar o milagre da nossa existência com muitos sorrisos e gargalhadas.”

      Abraços,

      Lu

      Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Peterson

      Este ditado é verdadeiro. Não há nada melhor do que conviver com uma pessoa de bem com a vida e que traz sempre um sorriso nos lábios.

      Beijos,

      Lu

      Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Márcio

      Buscar ser alegre é um caminho que leva à felicidade e, consequentemente, propicia-nos melhor qualidade de vida e saúde, pois faz com que nosso corpo funcione em harmonia.

      Abraços,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *