Piombo – A RESSURREIÇÃO DE LÁZARO

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

aredela

A composição denominada A Ressurreição de Lázaro é uma obra do pintor italiano Sebastiano del Piombo (c. 1485-1547). Seu nome de batismo era Sebastiano Luciani. Foi aluno de Giovanni Bellini e de Giorgiane, sendo muito influenciado em seu estilo pelo segundo. Os pintores Rafael e Michelangelo também o influenciaram, sobretudo na monumentalidade e na linguagem formal de sua obra. Trabalhou não apenas em imponentes retábulos para igrejas romanas como também fez inúmeros retratos.

Esta obra foi encomendada ao artista pelo futuro Papa Clemente VII, à época cardeal, para decorar a catedral da cidade de Norbona. Outro retábulo intitulado “A Transfiguração” foi encomendado a Rafael Sanzio com a mesma finalidade, o que gerou grande tensão na concorrência entre os dois pintores. Presume-se que Michelangelo tenha colaborado com del Piombo nos desenhos preliminares de Lázaro e nos das figuras principais. Ele queria que o amigo suplantasse Rafael, seu rival. Mas o vencedor foi Rafael.

O tema do retábulo de Piombo foi colhido no Novo Testamento (João:11). Segundo o Evangelho de São João, a história do milagre pode ser separada em três partes:

  • o Mestre pede aos presentes para levantarem a pedra do sepulcro;
  • Jesus pede a Lázaro que suba na pedra;
  • o Mestre pede a Lázaro para libertar-se de seus lençóis.

O artista optou por pintar a terceira cena, quando Lázaro desvincula-se de sua mortalha. Chama a atenção o gesto de Cristo apontando para Lázaro, que imita o mesmo gesto feito por Michelangelo, em  sua obra  “Criação de Adão”.

Ficha técnica
Ano: c. 1517-1519
Técnica: óleo sobre madeira tranferido para tela
Dimensões: 381 x 287 cm
Localização: Galeria Nacional, Londres, Grã-Bretanha

Fonte de pesquisa
Enciclopédia dos Museus/ Mirador
1000 obras-primas da pintura europeia/ Könemann
https://www.nationalgallery.org.uk/paintings/sebastiano-del-piombo-the-raising-of-lazarus
http://www.wga.hu/html_m/s/sebastia/lazarus.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *