OS DITADOS E OS TEMPOS

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de Lu Dias Carvalho

Os ditados (ou ditos) populares são uma das mais belas expressões de uma língua. Eles representam a identidade cultural de um povo, mas são também uma pedra no sapato de quem estuda um idioma estrangeiro, pois são difíceis de serem explicados e entendidos, pois jamais podem ser traduzidos ao pé da letra. Muitas vezes, eles extrapolam as fronteiras de um país e agregam-se a outras línguas, depois de sofrer pequenas alterações. Noutras, fogem totalmente à sua origem, como é o caso dos ditados que veremos abaixo.

Dito Popular: “Quem tem boca vai a Roma”.
Original: “Quem tem boca vaia Roma”

Explicação:
Vaia do verbo “vaiar”, diz respeito à época do imperador romano Júlio Cesar.

Dito Popular: “Esse menino não para quieto, parece que tem bicho carpinteiro”.
Original:  “Esse menino não para quieto, parece que tem bicho no corpo inteiro”.

Dito Popular: “Batatinha quando nasce, esparrama pelo chão”.
Original: “Batatinha quando nasce, espalha a rama pelo chão”.

Dito Popular: “Cor de burro quando foge”.
Original: “Corro de burro quando foge!”

Dito Popular: “Cuspido e escarrado” (alguém muito parecido com outra pessoa).
Original: “Esculpido em carrara” (tipo de mármore).

Dito Popular: “Quem não tem cão, caça com gato”.
Original: “Quem não tem cão, caça como gato”

Explicação:
Precisa ser astuto, esperto como um gato para caçar.

Dito Popular: “Meu amigo enfiou o pé na jaca”.
Original: “Meu amigo enfiou o pé no jacá”.

Explicação
Antigamente os bares traziam cestas na parte da frente. Tais cestas eram conhecidas como “jacá”. Ali ficavam legumes e frutas para serem vendidos. As pessoas bêbadas, ao sairem do bar, costumavam enfiar o pé no jacá, nascendo daí a expressão.

4 comentaram em “OS DITADOS E OS TEMPOS

  1. Marinalva Autor do post

    Lu
    Os ditados populares não são só engraçados, como também muito instrutivos . Muita gente não sabe interpretar direitinho o significado de cada um deles, porém, há grande sabedoria neles.

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Marinalva

      Os ditos populares, apesar de simples e muitas vezes irônicos, estão recheados de sabedoria.

      Abraços,

      Lu

      Responder
  2. Adevaldo R. de Souza

    Lu

    Os ditos populares são expressões simples de melhor comunicação entre os povos em todos os tempos. Ás vezes uma única palavra é o suficiente para uma comunicação completa. Eles constituem uma parte da cultura de um país.

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Adevaldo

      Os ditos populares são fantásticos. Eles têm realmente a capacidade de, em poucas palavras, transmitir uma ideia. São uma parte muito interessante da língua.

      Abraços,

      Lu

      Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.