Anônimo: A TAPEÇARIA DE BAYEUX

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

cub1

A propaganda traduzida para o bordado.

A Tapeçaria de Bayeux, de artista anônimo, datada de 1066, mede 70,34 metros de comprimento e 50 centímetros de altura, sendo formada por diversos pedaços de tecido, unidos. Infelizmente falta sua parte final, que deveria medir mais alguns metros. Foi feita em linho, bordado com fios de lã, num total de oito cores. Presume-se que tanto os desenhos quanto os bordados foram feitos por freiras. Apareceu pela primeira vez na Catedral de Bayeux, na Normandia, em 1077. E foi redescoberta por estudiosos, em 1729, quando estava sendo exibida no mesmo local. Os bordados narram a vitória de Guilherme, o Conquistador sobre os ingleses, na Batalha de Hastings, em 1066.

A igreja, em 1025, através do Conselho da cidade francesa de Arras, propôs ornamentar as igrejas com panos com representações de personagens e eventos históricos cuja finalidade era ajudar, principalmente, a ampliar o conhecimento dos fiéis que não sabiam ler. A Tapeçaria de Bayeux é o exemplo mais importante desse tipo de educação usada na Idade Média. Possui um imensurável valor tanto histórico quanto artístico. A presença dessa tapeçaria na catedral de Bayeux tinha dupla finalidade: a narração de fatos políticos da época e a edificação religiosa.

A Tapeçaria de Bayeux representa a pequena cidade normanda no detalhe superior, apresentando uma colina e um grande edifício, que tanto pode ser uma igreja ou um castelo. Frases em latim ajudam a contar a história. Também são mostrados animais simbólicos, que nada tem a ver com o relato. As cenas de batalha mostram corpos nus e mutilados. É interessante acompanhar uma série de detalhes documentais da época: escudos, esporas e veios das selas que serviam para prender o cavaleiro durante o combate. O personagem principal da tapeçaria é Guilherme, o Conquistador, e todos os acontecimentos são contados mediante seu ponto de vista.

A Tapeçaria de Bayeux foi usada como instrumento de propaganda por Napoleão, ao tentar conquistar a Inglaterra, e por Adolf Hitler, quando planejou a invasão da ilha. Atualmente a obra encontra-se no Musée de la Tapisserie de Bayeux, na Normandia. Vejam toda a tapeçaria na animação: https://www.youtube.com/watch?v=KfMekHN6x7w/

Fontes de pesquisa:
Los secretos de las obras de arte/ Taschen
Blog Café com Ciência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *