Rafael – O INCÊNDIO DO BORGO

 Autoria de LuDiasBH

oindobo

A composição O Incêndio do Borgo, também conhecida como O Fogo no Borgo, é uma obra da oficina do pintor italiano Rafael Sanzio, que era tão requisitado em Roma, a ponto de não dar conta de confeccionar todas as encomendadas que lhe eram feitas, valendo-se de um grande número de assistentes e alunos. Sua temática nesta obra tem como objetivo celebrizar a intercessão do papa Leão IV que, com sua bênção, impediu que um incêndio viesse a espalhar-se pelo Borgo, uma seção popular romana, próxima à Basílica de São Pedro. Sobre tal episódio foi dito que aconteceu no ano de 847 d.C.

Presume-se que Rafael tenha feito os complicados desenhos de O Incêndio no Borgo, mas que a obra foi, provavelmente, pintada por seu assistente Giulio Romano e alunos. O monumental afresco, medindo quase sete metros de base, encontra-se hoje na sala Stanza dell’incendio del Borgo. Dentre os outros quatro ali encontrados, este é o mais complexo, pois faz referências à antiguidade clássica, à arquitetura medieval e aos temas em uso pelos artistas da época. O artista mostra, no afresco em questão, uma fração da Roma antiga, desfeita durante o século XVI: a fachada original da Basílica de São Pedro, com seus mosaicos sobre fundo dourado e janelas de arcos românicos. São vistos também as colunas antigas de escuro mármore africano com capitéis jônicos e colunas brancas com capitéis coríntios, pintadas com rachaduras e fraturas, como ruínas do passado de Roma.

O Papa, de sua janela, abençoa a multidão aflita. Há um grupo atrás dele e outro ajoelhado debaixo de sua janela, e mais outro um pouco mais distante, numa galeria, em primeiro plano, que tenta desesperadamente apagar o fogo. Uma mulher de amarelo, com os dois braços levantados, tendo as costas voltadas para o observador, parece pedir socorro ao Papa. À esquerda, correndo das labaredas do fogo, um jovem carrega um velho às costas, atrás dele vem uma senhora idosa e à sua esquerda uma criança, provavelmente membros de uma mesma família. No centro, uma mulher, sentada, abraça o seu bebê, enquanto duas outras mães zelam por suas crianças. À direita, as pessoas portam vasilhames com água, tentando apagar ofogo. Um jovem nu é visto descendo de um muro, enquanto uma mãe entrega a outrem o seu bebê recém-nascido, no intuito de salvá-lo.

Ficha técnica
Ano – 1514/17
Técnica: afresco
Dimensões: 670 cm de base
Localização: Museus do Vaticano, Roma, Itália

Fontes de pesquisa
Los secretos de las obras de arte/ Taschen
http://www.wga.hu/html_m/r/raphael/4stanze/3borgo/1borgo.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *