A FOTO MAIS FAMOSA DE CHE GUEVARA

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

 Mojica123456    Mojica1234567

O retrato de Guevara é a mais famosa fotografia do mundo e um símbolo do século XX. (Instituto de Arte de Maryland)

Trata-se da imagem mais reproduzida da história da fotografia. (Victoria e Albert Museum)

A imagem de Korda transformou-se num idioma ao redor do mundo. Transformou-se num símbolo alfa-numérico, num hieróglifo, um símbolo instantâneo. Ela reaparece misteriosamente sempre que há um conflito. Não há nada na história que funcione desse jeito. (Jonathan Green, diretor do Museu de Fotografia da Universidade da Califórnia)

Como defensor dos ideais pelos quais Che Guevara morreu não me oponho à sua reprodução por aqueles que desejam difundir a sua memória e a causa da justiça social por todo o mundo. (Alberto Díaz Gutiérrez)

Alberto Díaz Gutiérrez (1928-2001), fotógrafo cubano, também conhecido por Alberto Korda é responsável por uma das fotos mais conhecidas de Che Guevara, Guerrilheiro Heroico, que viria a se transformar num ícone e que, por sua vez, tornou o fotógrafo mundialmente conhecido.

Korda fotografava os palestrantes por ocasião de um funeral coletivo em Cuba, 75 vítimas de um bombardeio no porto de Havana, quando avistou Che, rapidamente, em meio às autoridades numa tribuna, mas tempo suficiente para que tirasse duas fotos, em 5 de março de 1960. O guerrilheiro tinha 31 anos na ocasião.

Che Guevara não percebeu que estava sendo fotografado. Seu olhar vagava para longe, cheio de dor e raiva. Korda fez uma versão recortada da foto tirada, que foi pendurada em seu estúdio. Tempos depois, deu duas cópias da fotografia a um editor italiano, Giangiacomo Feltrinelli que, ao retornar à Itália, espalhou milhares de pôsteres para alertar as pessoas sobre os perigos que Che corria na Bolívia.

A imagem capturada por Alberto Díaz Gutierréz voltou à cena quando Guevara foi executado nas selvas da Bolívia, em 1967. Ao anunciar ao mundo a execução do médico Che Guevara, Fidel Castro tinha como pano de fundo um cartaz com a mesma imagem.

Pôsteres com a imagem de Che tomaram as ruas das cidades de Cuba. A partir daí, a foto transformou-se num ícone de sua rebeldia contra o status quo, sendo reproduzida em camisetas, capas de disco, anúncios publicitários, etc.  Alguns acreditam que se trata da imagem fotográfica mais reproduzida em toda a história.

A foto de Che Guevara foi reproduzida nas mais diferentes partes do mundo, mas Korda nunca exigiu nenhum pagamento por ela, pois imaginava que só faria expandir os ideais do ídolo. Só se opôs à comercialização da imagem num anúncio de vodca.

Em 2007, Aleida, filha de Guevara, concedeu entrevista ao New York Times, protestando contra o uso abusivo da imagem do pai:

Não estamos atrás de dinheiro. Só queremos o fim do abuso. Ele pode ser uma pessoa universal, mas respeitem a sua imagem.

O artista irlandês, Jim Fitzpatrick, reproduziu a imagem de Che Guevara em inúmeras variações: vermelho e preto, preto e branco, preto e branco com uma estrela vermelha, etc.

Fontes de pesquisa:
Tudo sobre fotografia/ Editora Sextante

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *