Rafael – SÃO JORGE E O DRAGÃO

Autoria de LuDiasBH

sajodra

A composição denominada São Jorge e o Dragão é uma obra do pintor italiano Rafael Sanzio, encomendada pelo Duque de Urbino para ser presenteada ao rei Henrique VII, em sinal de gratidão. O quadro tinha como tema São Jorge, o patrono da Inglaterra e da Ordem Jarrateira, criada pelo rei Eduardo III, em 1348.

Segundo a lenda, São Jorge foi responsável por vencer o dragão que atribulava as aldeias, devorando seus habitantes. E Rafael escolheu a passagem em que o monstro tenta devorar uma princesa, para retratar na sua pintura.

A cena acontece em frente à caverna do dragão, estando o santo vestido com uma bela armadura preta, que deixa apenas o rosto de fora. A auréola acima de sua cabeça demonstra a sua divindade. Ele está montado em seu cavalo branco, primorosamente arreado. Ao chegar perto do dragão, o cavalo empina e volta a cabeça para o observador (como se dissesse: E agora José?). No momento em que a fera mira o santo guerreiro, este enfia a espada no seu peito. À esquerda de São Jorge e de seu cavalo está a princesa, ajoelhada, em orações. Ela traz sobre a cabeça um halo, o que mostra a sua divindade, possivelmente tratava-se de uma santa.

Apesar de a luta mostrar-se ameaçadora, como indica a atenção de São Jorge e a força que faz sobre o cavalo, tendo a perna estirada, e sua capa esvoaçante. Afora isso, tudo em volta dos personagens denota ordem e calmaria. Até mesmo em cima da caverna do dragão existem árvores, assim como atrás da donzela ameaçada. O chão, próximo ao cavalo e ao dragão, está coberto de uma delicada vegetação. Ao fundo veem-se duas torres, onde se situa a cidade.

Ficha técnica
Ano:1504-1506
Técnica: óleo sobre madeira
Dimensões: 28,5 x 21,5 cm
Localização: National Gallery of Art, Washington, EUA

Fontes de pesquisa
Rafael/ Cosac Naify
https://en.wikipedia.org/wiki/Saint_George_and_the_Dragon_%28Raphael%29

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *