Rivera – PAISAGEM NOTURNA

Autoria de LuDiasBH

pano

A composição Paisagem Noturna é uma obra do pintor mexicano Diego Rivera, pintura que beira ao Surrealismo, onde, ao contrário da pintura mural do artista, a fantasia do pintor ultrapassa a captação figurativa da realidade. O título da composição já dá ao leitor a chave de que a cena passa-se durante a noite, nos bosques mexicanos.

Em seu quadro, Rivera retrata sete figuras humanas, masculinas, sobre duas árvores. Cinco delas usam os chapelões (sombreros) tão característicos da cultura mexicana.  Encontram-se sentadas nos galhos e encolhidas, numa referência ao frio noturno. As duas figuras, que se encontram no galho mais alto, estão envoltas em pochos. Apenas o homem postado à esquerda, está de pé, com a perna direita escorada no galho à sua direita. Ele parace encontrar-se em vigília, atento aos rumores em derredor. Um segundo homem parece dormir com as mãos e cabeça encostadas num galho.

Abaixo, quase perdido na densidade do bosque e na escuridão da noite, um burro, com seus grandes olhos voltados para o observador, encontra-se amarrado.

Ficha técnica
Ano: 1947
Técnica: óleo sobre masonite
Dimensões: 110 x 90 cm
Localização: Museu Nacional de Arte Moderna, Cidade do México, México

Fonte de pesquisa
Gênios da Pintura/ Abril Cultural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *