Rubens – CIMONE E IFIGÊNIA
Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

O pintor barroco Peter Paul Rubens (1577 – 1640) teve os primeiros onze anos de sua vida passados em Colônia, na Renânia, pois sua família teve que fugir da Antuérpia, para escapar da guerra entre católicos e calvinistas. Após a morte do pai, a mãe retornou com os filhos para Antuérpia, onde Rubens, católico devoto, estudou latim e tornou-se pajem na família real. Aos vinte e um anos foi inscrito como pintor na corporação de São Lucas, vindo a  tornar-se mestre. Quando estava prestes a completar trinta anos, Rubens partiu para a Itália, onde ficou a serviço de Vicenzo I Gonzaga, Duque de Mântua, de quem recebeu um missão diplomática na Espanha. Na Itália, ele aproveitou para conhecer várias cidades, ficando mais tempo em Gênova e Roma.

A composição Cimone e Ifigênia é uma obra do pintor barroco. Baseia-se na história contada por Bacagio em seu livro “Decameron”. Cimone era filho de um nobre, contudo relegou a educação e a vida de seus familiares, preferindo viver como um camponês, até conhecer Ifigênia por quem se apaixonou.

Rubens retrata o momento em que o jovem Cimone vê Ifigênia pela primeira vez, num dia ensolarado, dormindo à sombra das árvores, acompanhadas de duas donzelas e de um pajem. Ao vê-la com suas formas opulentas, o então pastor cai de amores por ela.

Como acontecia frequentemente em razão do excesso de encomendas recebidas – o pintor dificilmente pintava um quadro por inteiro – Rubens contava com a participação de outros artistas. Nesta tela os animais e as frutas foram pintados por Frans Snyders, sendo a paisagem acrescentada posteriormente por Jan Wildens.

Nota: esta obra foi recortada em todos os lados, principalmente no esquerdo.

Ficha técnica
Ano: c.1617
Técnica: óleo sobre tela
Dimensões: 207,5 x 282 cm
Localização: Museu de História da Arte, Viena, Áustria

Fonte de pesquisa
Enciclopédia dos Museus/ Mirador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *