Mantegna – SÃO TIAGO A CAMINHO DA EXECUÇÃO

Autoria de LuDiasBH

Saticae

A composição denominada São Tiago a Caminho de sua Execução, obra do artista italiano Andrea Mantegna, faz parte de uma série sobre São Tiago, pintado para uma igreja de Pádua, mas tendo a sua maior parte destruída durante a Segunda Guerra Mundial, inclusive esta, deixando o mundo de contemplar grandes obras de arte desse importante artista. A composição acima mostra São Tiago sendo levado para o local em que seria executado.

O pintor preocupava-se com a realidade da cena pintada. E, para isso, estudava a vida do representado. Ele tinha conhecimento, neste caso, de que São Tiago vivera na época dos imperadores romanos, sendo necessário criar a cena como ela deveria ter acontecido à época. Começou estudando os monumentos clássicos daqueles tempos, como podemos notar na porta da cidade, executada como um arco triunfal romano, estando os soldados da escolta usando roupas e armaduras também da época.

São Tiago é conduzido por uma forte escolta, que para por um momento, porque um dos perseguidores do santo arrepende-se e joga-se a seus pés, pedindo sua bênção. O santo vira-se para ele e o abençoa, enquanto um dos soldados, atrás do arrependido, mostra-se surpreso, fazendo um gesto com a mão. A curvatura do arco enquadra esta cena, colocando-a em destaque e separando-a da multidão que a assiste, e que é empurrada por um dos soldados.

Ficha técnica
Ano: c. 1455
Técnica: afresco (destruído)
Localização: antiga igreja dos Ermitãos, Pádua, Itália

Fontes de pesquisa
A história da arte/ E.H. Gombrich

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *