Caravaggio – O PEQUENO BACO DOENTE

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

baco 1

Baco, o deus do vinho, é aqui representado por Caravaggio, quando ele relutava em trabalhar com temas religiosos. O artista se autorretratou em o Pequeno Baco Doente, deixando aparente a debilidade do período em que se encontrava internado no hospital.

O pintor foi muito audaz para a sua época, ao afrontar as rígidas convenções a que estava atrelada a arte, mostrando um Baco de rosto pálido e corpo extremamente débil. Inteligentemente ele antecipou o olhar fotográfico. Nesta e em outras telas, ele se pintou olhando no espelho a sua imagem refletida, captando os instantes dramáticos mais perturbantes, sendo totalmente fiel ao que via.

Ficha técnica
Obra: O Pequeno Baco Doente
Ano: cerca de 1593/1594
Dimensões: 67 x 53 cm
Localização: Galleria Borghese, Roma

Fontes de pesquisa:
Grandes mestres da pintura/ Coleção Folha
Grandes mestres/ Abril Coleções
1000 obras-primas da pintura europeia/ Köneman

2 comentários sobre “Caravaggio – O PEQUENO BACO DOENTE

    1. LuDiasBH Autor do post

      William

      Este Baco doente é mesmo muito feito.
      Aposto que sua avó é muito mais bonita.

      Abraços,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *