COMO EVITAR A INSÔNIA

Autoria do Dr. Telmo Diniz

comein

Você já teve insônia? Já ficou “fritando” na cama a noite toda, rolando de um lado para o outro? Terrível, não é? Pois bem! O texto de hoje destina-se a falar um pouco sobre o tema e especialmente sobre o que fazer para ter uma boa noite de sono.

Pessoas com insônia têm dificuldade de iniciar ou manter o sono ou ainda têm a percepção de um sono não reparador, com prejuízo na atividade social e/ou profissional. Em outras palavras, quem não dorme bem vai arrastar corrente o dia inteiro. O problema é tão sério e atinge um número tão grande de pessoas que deve ser visto como um problema de saúde pública.

O tempo necessário para um sono reparador varia de pessoa a pessoa. A maioria, porém, precisa dormir de sete a oito horas para acordar bem disposta. Pesquisas recentes sugerem que aqueles que consideram suficientes quatro ou cinco horas de sono por noite, na realidade, necessitariam dormir mais. Localizar as causas da insônia pode ser facilitado pela poli sonografia, um exame que monitora a pessoa enquanto dorme.

A insônia pode ter causas orgânicas e/ou psíquicas. Pesquisas apontam para uma produção inadequada de serotonina pelo organismo e o estresse provocado pelo desgaste do dia a dia. A insônia crônica pode resultar em vários problemas como distúrbios da memória e concentração, ansiedade, depressão, irritabilidade, sentimento de insatisfação constante, baixo rendimento profissional, prejuízo do convívio social e aumento do risco de acidentes no trabalho. Daí a importância do tratamento.

Em tempos em que várias pessoas já estão dependentes do Rivotril e outras medicações de “tarja preta”, tenho a informar que podemos, com pequenas alterações nos hábitos, melhorar nosso sono. Primeiramente, limite o consumo de cafeína presente no café, chás, refrigerantes do tipo colas, chocolates etc. De igual forma é importante observar que alguns medicamentos podem prejudicar o sono, como os descongestionantes nasais (dê uma olhada nos efeitos colaterais das medicações que você usa).

A prática de exercícios físicos estimula a produção de serotonina e reduz os quadros de estresse. Entretanto, não o faça próximo de dormir, pois pode ter efeito estimulante. Estabeleça uma rotina para seu horário de dormir e de despertar. O relógio biológico agradece. Procure relaxar antes de ir para cama. Tome um banho morno perto do horário de dormir. Isso relaxa a musculatura do corpo. Tome um copo de leite morno. O leite contém o aminoácido triptofano, substância precursora da serotonina. Vá de chás que ajudam no relaxamento, como camomila, erva-doce, erva-cidreira etc. Certifique-se de que não há claridade no quarto e de que a temperatura esteja agradável. Mesmo uma pequena claridade pode atrapalhar o sono de algumas pessoas. Valide o seu colchão, pois os muito macios ou muito duros estão contraindicados. Ouça música ou leia um pouco. Lembre-se de que, depois de uma boa noite de sono, as soluções para os problemas podem fluir melhor. Todas estas dicas fazem parte da “higiene do sono”. Se nada resolver, procure ajuda médica.

Nota: ilustração copiada de cadeiranteemprimeirasviagens.wordpress.com

6 comentários sobre “COMO EVITAR A INSÔNIA

  1. Rui

    Lu

    Certamente a água será morna, e devemos nos relaxar enquanto nos maravilhamos com a água a cair em nosso corpo, tendo bom pensamentos.
    Quanto ao kiwi faz com que o nosso organismo flua melhor enquanto dormirmos.

    Abraços, querida!

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Rui

      Não há nada mais relaxante do que um bom banho. A água é uma maravilha da natureza. Já passei a comer o kiwi, pois costumo ter insônia.

      Um abraço,

      Lu

      Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Cristiane

      Esse medo de não ter o ansiolítico para tomar, muitas vezes, é apenas fruto de nossa ansiedade. Só de saber que não o tem em casa, a pessoa não consegue dormir. Também tomo, mas procuro evitar sempre que posso. Um copo de leite morno antes de dormir é muito bom para relaxar, assim como o chá de camomila. Opte também pelos fitoterápicos que são muito bons.

      Um grande abraço,

      Lu

      Responder
  2. Rui

    Lu

    Sempre um texto com palavras simples, mas que muito nos ensina. Eu tomo dois Lorini para a ignição pegar no sono, e também descobri alguns truques, como tomar um belo duche, comer um kiwi antes de ir dormir. Como o doutor Telmo refere no texto, o melhor truque é mesmo um duche relaxante. Assim acabei aos poucos de deixar um dos comprimidos, agora só tomo um. Tudo foi feito com o acompanhamento da minha médica, pois dormir é mais tranquilo.

    Os textos do doutor Telmo são sempre ricos. Obrigado, Lu, por partilhá-los conosco.

    Abraços

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Rui

      O doutor Telmo escreve com muita clareza. São textos simples e que nos ensinam muito. Gostei da sua dica sobre o Kiwi. A ducha (vocês portugueses dizem “duche”) é realmente prazerosa e calmante. A água deve estar morna, pois, se estiver fria ou muito quente, ativa mais o corpo e o sono desaparece.

      Grande abraço,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *