RANKING DOS 100 MELHORES FILMES / ESTRANGEIROS

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

cidadeus

O site DigitalDreamDoor elegeu os 100 melhores filmes estrangeiros da história do cinema. Cidade de Deus fica nesta listagem entre os 24, enquanto a revista Empire coloca-o entre os 10 melhores, ocupando o sétimo lugar.

NOME/ ANO/ PAÍS

1 – A Doce Vida / 1960 / Itália
2 – Os Sete Samurais / 1954 / Japão
3 – A Estrada da Vida / 1954 / Itália
4 – Morangos Silvestres / 1957 / Suécia
5 – A Grande Ilusão / 1937 / França
6 – 8 ½  / 1963 / Itália
7- Rashomon / 1960 / Japão
8 – Ladrões de Bicicleta / 1948 / Itália
9 – As Diabólicas / 1955 / França
10 – Fellini-Satyricon / 1969 / Itália
11 – A Fonte da Donzela / 1959 / Suécia
12 – Jean de Florette / 1986 / França
13 – M – O Vampiro de Dusseldorf / 1931 / Alemanha
14 – A Bela e a Fera / 1946 / França
15 – O Encouraçado Potemkin / 1925 / Rússia
16 – O Último Metrô / 1980 / França
17 – A Noite Americana / 1973 / França
18 – A Bela da Tarde / 1967 / França
19 – Gritos e Sussurros / 1972 / Suécia
20 – O Tigre e o Dragão / 2000 / Taiwan
21 – A Vida é Bela / 1998 / Itália
22 – A Vingança de Manon / 1986 / França
23 – Bread and Chocolate / 1973 / Itália
24 – Cidade de Deus / 2002 / Brasil
25 – O Jardim dos Finzi-Contini / 1970 / Itália
26 – Meu Tio / 1958 / França
27 – Ascensor para o Cadafalso / 1958 / França
28 – Por um Destino / Insólito / 1974 / Itália
29 – O Casamento Perfeito / 1982 / França
30 – Cenas de um Casamento / 1973 / Suécia
31 – Sempre aos Domingos / 1962 / França
32 – Yojimbo, o Guarda-Costas / 1961 / Japão
33 – Fanny e Alexandre / 1983 / Suécia
34 – Z / 1967 / Grécia
35 – Ladrão de Sonhos / 1995 / França
36 – Amarcord / 1974 / Itália
37 – Delicatessen / 1991 / França
38 – A Gaiola das Loucas / 1978 / França
39 – O Sétimo Selo / 1956 / Suécia
40 – Nosferatu / 1922 / Alemanha
41 – Primo, Prima / 1976 / França
42 – O Discreto Charme da Burguesia / 1971 / França
43 – Os Incompreendidos / 1995 / França
44 – O Carteiro e o Poeta / 1995 / Itália
45 – Solaris / 1972 / Rússia
46 – O Silêncio / 1963 / Suécia
47 – Ran / 1985 / Japão
48 – A Passageira / 1963 / Polônia
49 – Kapo / 1960 / Itália
50 – Através de um Espelho / 1961 / Suécia
51 – Guerra e Paz / 1968 / URSS
52 – Aguirre, a Cólera dos Deuses / 1972 / Alemanha
53 – Roma de Fellini / 1972 / Itália
54 – Johnny Stecchino / 1991 / Itália
55 – Esse Obscuro Objeto do Desejo / 1977 / Espanha
56 – Cinema Paradiso / 1989 / Itália
57 – Decameron / 1971 / Itália
58 – As Noites de Cabíria / 1957 / Itália
59 – Cryano / 1990 / França
60 – A Festa de Babette / 1987 / Dinamarca
61 – Moscou Não Acredita em Lágrimas / 1980 / URSS
62 – Playtime – Tempo de Diversão / 1957 / França
63 – Era Uma Vez em Tóquio / 1953 / Japão
64 – Pasqualino Sete Belezas / 1976 / Itália
65 – Mediterrâneo / 1991 / Itália
66 – Ama-me Amor / 1956 / França
67 – O Barco – Inferno em Alto Mar / 1981 / Alemanha
68 – A Paixão de Joana D’Arc / 1928 / França
69 – Orfeu Negro / 1959 / Brasil / França / Itália
70 – O Tambor / 1979 / Alemanha
71 – Andrei Rublev / 1966 / URSS
72 – Adeus Meninos / 1987 / França
73 – Farinelli / 1994 / França
74 – Pelle, o Conquistador / 1988 / Dinamarca
75 – O Labirinto de Fauno / 2006 / México
76 – O Monstro  / 1994/ Itália
77 – O Evangelho Segundo São Mateus / 1964 / Itália
78 – Acossado / 1959 / França
79 – O Baile dos Bombeiros / 1967 / Tchecoslováquia
80 – Tudo Sobre Minha Mãe / 1999 / Espanha
81 – O Anjo Exterminador / 1962 / México
82 – The Juniper Tree / 1987 / Islândia
83 – O Cheiro da Papaya Verde / 1993 / França / Vietnã
84 – Corra, Lola, Corra / 1998 / Alemanha
85 – A Viagem de Chihiro / 2001 / Japão
86 – Os Contos de Canterbury / 1971 / Itália
87 – Stalker / 1979 / Rússia
88 – Madame Rosa, a Vida à Sua Frente / 1977 / França
89 – Viver / 1952 / Japão
90 – Os 120 Dias de Sodoma / 1977 / Itália
91 – Minha Vida de Cachorro / 1985 / Suécia
92 – O Fabuloso Destino de Amélie Poulain / 2001 / França
93 – Underground – Era Uma Vez um País / 1995 / Iugoslávia
94 – Laternas Vermelhas / 1991 / China
95 – Fitzcarraldo / 1981 / Alemanha
96 – Céu e Inferno / 1963 / Japão
97 – Este Mundo é dos Loucos / 1966 / França
98 – Jules e Jim, uma Mulher para Dois / 1961 / França
99 – Hiroshima, Mon Amour / 1959 / França
100 – The Killer – O Matador / 1989 / Hong Kong

6 comentários sobre “RANKING DOS 100 MELHORES FILMES / ESTRANGEIROS

  1. Beto

    Só não assisti ao filme Tragam-me a Cabeça do Alfredo Garcia. Do Houston também vale a pena assitir A Sombra do Vulcão (Albert Finney) e Key Largo(Humphred Bogart, Edward. G. Robinson). Do Nicholas Ray, No silêncio da Noite (H. Bogart). Do Ford, Vinhas da Ira, e por aí vai… Tchau

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Beto

      Vejo que você realmente ama bons filmes. Dos citados por você, eu já vi Vinhas da Ira e No Silêncio da Noite. Sou fascinada pela atuação de H. Bogart, que torna qualquer filme uma obra de arte. Um filme que me encanta muito é Run, de Akira Kurosawa. Você já deve ter ouvido falar de Rober Ebert, tido como um dos principais críticos de cinema de todos os tempos. Estou preparando a listagem dos filmes pelos quais ele tinha predileção, para publicar.

      Grande abraço,

      Lu

      Responder
  2. Beto

    Não achei muito interessante essa lista. Lista disso ou daquilo é algo que não me agrada. Veja bem, Trufaut, Herzog, Godard,Begnini, entre outros por aí, para mim são engodos cinematográficos. Se não existissem, não fariam falta. Uma lista que se preze não pode faltar Chaplin, De Sica, Monicelli, Elio Petri, Visconti, Bunuel, Ozu, Kaneto shindo, Mizigushi, Carné, Lean, Scola, Renoir, Nicholas Ray, Melville, Ford,entre outros monstros sagrados da sétima arte. É claro que Charles Chaplin é a grande divindade do cinema. Depois vem os outros, naquela ordem. É isso.

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Beto

      É um grande prazer recebê-lo neste espaço. Seja bemv-vindo.

      Assim como você, também não sou chegada a listas, pois gosto não se discute. Tenho predileção pelos filmes japoneses, com destaque para os dos diretores Akira Kurosawa, Yasujiro Ozu e Kenki Mizogushi (a Livraria da Folha tem boas promoções no gênero). No momento faço uma coleção de filmes Noir que só traz clássicos. Também amo Chaplin. Tenho a maioria de seus filmes. Contudo, para quem tem pouco conhecimento de cinema, as listas ajudam bastante, pois há muito lixo no mercado. Elas trazem um pouco de luz.

      Um grande abraço,

      Lu

      Responder
      1. Beto

        Lu, prometo não tomar mais seu precioso tempo, mas quando for possível assista O Leopardo e Violência e Paixão, ambos do Luchino Visconti. Napoleon do Abel Gance. Parente é Serpente e Os Eternos Desconhecidos, entre outros do Mario Monicelli. O Baile e Casanova e a Revolução entre outros do Etore Scola. O Ferroviário do Germi. Perfume de Mulhe e Arroz Amargo( Vittorio Gassman) do Risi. Humberto D, O Ouro De Nápoles, O milagre em Milão, Vítimas da Tormenta entre outros tantos do Genial Vittório de Sica (Ladrões de Bicicleta já consta em sua lista). De Crápula a Héroi do Rosselini, com Vittório de Sica no papel Principal. Ah, recentemente eu assisti dois filmes que eu considero geniais. Sleep Winter do Ceylan e a Pedra da Paciencia do Atiq Rahimi. Vale a pena conferir… Não vou mais te amolar. Boa Sorte, e bem vindo ao clube dos que apreciam o bom cinema.Até.

        Responder
        1. LuDiasBH Autor do post

          Beto

          Se você prometer que não mais comentará, cortarei relações eterna consigo… risos. É tão difícil encontrar quem comente sobre filme e você me faz uma proposta desta! Nada disso, vou reservar uma cadeira cativa para “vosmicê”.

          Nossa! Só citou filmaços. Dentre esses já assisti: O Leopardo, Parente é Serpente, O Baile (foi lançado novamente no mercado), Perfume de Mulher, Humberto D, Ladrões de Bicicleta. Anotei o nome dos que ainda não vi. Também lhe recomendo: O Intendente Sancho, Contos da Lua Vaga (Mizoguchi), O Tesouro de Sierra Madre, Falcão Maltês (John Huston), Tragam-me a Cabeça de Alfredo Garcia (Sam Peckinpah), Ervas Flutuantes, Pai e Filha (Ozu), A Trilogia de Apu (Satyajit Ray), Gata em Teto de Zinco Quente (Richard Brooks)… As listas não foram feitas por mim, mas de pesquisas feitas.

          Beto, escrevi sobre alguns filmes. Clique em ÍNDICE GERAL, depois clique em CINEMA e veja sobre quais comentei. Há um monte na fila. Aguardo seu próximo comentário.

          Abraços,

          Lu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *