Seurat – JOVEM A EMPOAR-SE

Autoria de LuDiasBH

joaem

A composição Jovem a Empoar-se é uma obra pontilhista do pintor francês Georges Seurat, que acreditava que o artista podia e devia unir-se ao conhecimento científico em suas criações. A pintura é uma demonstração de amor à mulher que fazia parte de sua vida e, que lhe deu dois filhos – Madeleine Knobloch. Indiferente à opinião dos outros, o pintor fez sua homenagem à mulher que o acompanhou em sua  breve existência e no seu isolamento social.

O artista, através de algumas incursões pela noite, em Montmatre, Paris, travou conhecimento com o mundo boêmio, onde circulava Toulouse-Lautrec. Foi nesse cenário que ficou conhecendo Madeleine Knobloch, que primeiro tornou-se sua modelo e depois, amante, dando-lhe dois filhos. Isso viria trazer a Seurat problemas com a família, que não quis aceitar a origem desconhecida de sua companheira.

 Ao retratar sua mulher, mostrando seu gosto duvidoso, empoando-se em frente à sua penteadeira, o artista deixa expressa certa melancolia. No lugar da janela, que se encontra no canto superior esquerdo, dando vista para outro cômodo, onde se vê parte de uma mesa com um vaso de flores, havia um autorretrato do pintor, que acabou optando por eliminá-lo, colocando no lugar algo mais descomprometido, talvez em função da indignação de sua família, por ele ter escolhido uma mulher intelectualmente pobre, de origem duvidosa e de temperamento doméstico.

Esta pintura é uma demonstração impressionante da técnica pontilhista usada por Georges Seurat. Chama a atenção a modulação da luz e da sombra na parede, obtida com a utilização de pequenos pontos de cor pura, justapostos em concentrações e intensidade variável.

 Ficha técnica
Ano: 1890
Técnica: óleo sobre tela
Dimensões: 26 x 16 cm
Localização: Courtauld Institute Galleries, Londres, Grã-Bretanha

 Fonte de pesquisa
Gênios da Pintura/ Abril Cultural
http://www.artandarchitecture.org.uk/images/gallery/6007ba8c.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *