GRANDES FILMES SEGUNDO A ZAHAR

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de Moacyr Praxedes

novre

O guia ilustrado Zarhar / Cinema (Editora Sextante), lista, levando em conta vários critérios, os 100 melhores filmes.

  1.  O nascimento de uma nação / D.W. Griffting
  2. O gabinete de Dr. Caligari / Robert Wiene
  3. Nosferatu, o Vampiro / F. W. Murnau
  4. Nanook, o esquimó. / Robert Flaherty
  5. O encouração Potemkin / Sergei Eisensteing
  6. Metrópolis / Frist Lang
  7. Napoleão / Abel Gance
  8. Um cão andaluz / Luis Buñel
  9. Martírio de Joana D`Arc / Carl Dreyer
  10. Sem novidade no front / Lewis Milestone
  11. O anjo azul / Josef Bon Sternberg
  12. Luzes da cidade / Charles Chaplin
  13. Rua 42 / Lloyd Bacon
  14. O diabo a quatro / Leo McCarey
  15. King Kong / Merian Cooper e Ernest Schoedsack
  16. O atalante / Jean Vigo
  17. Branca de Neve e os sete anões / Walt Disney
  18. Olímpia / Leny Riefenstahl
  19. A regra do jogo / Jean Renoir
  20. … E o vento levou / Victor Fleming
  21. Núpcias de escândalo / George Cukor
  22. Jejum de amor / Howard Hawks
  23. As vinhas da ira / John Ford
  24. Cidadão Kane / Orson Welles
  25. Relíquia macabra / John Huston
  26. Pérfida / William Wyler
  27. Ser ou não ser / Ernst Lubitsch
  28. Nosso barco, nossa alma / Noël Coward
  29. Casablanca / Michael Curtiz
  30. Obsessão / Luchino Visconti
  31. O boulevard do crime / Marcel Carné
  32. Neste mundo e no outro / Michale Powell e Emeric Pressburger
  33. A felicidade não se compra / Frank Capra
  34. Ladrões de bicicleta / Vittorio De Sica
  35. Carta de uma desconhecida / Max Ophüls
  36. Um país de anedota / Henry Cornelius
  37. O terceiro homem / Carol Reed
  38. Orfeu / Jean Cocteau
  39. Rashomon / Aquira Kurosawa
  40. Cantando na Chuva / Gene Kelly e Stanley Donen
  41. Viagem a Tóquio / Yasugiro Ozu
  42. Sindicato de ladrões / Elia Kazan
  43. Tudo que o céu permite / Douglas Sirk
  44. Juventude trasviada / Nicholas Ray
  45. A canção da estrada / Satyagit Ray
  46. O mensageiro do diabo / Charles Laughton
  47. O sétimo selo / Ingmar Bergman
  48. Um corpo que cai / Alfred Hitchock
  49. Cinzas e diamantes / Andrzej Wajda
  50. Os incompreendidos / François Truffaut
  51. Quanto mais quente melhor / Billy Wilder
  52. Acossado / Jean-Luc Godard
  53. A doce vida / Federico Fellini
  54. Tudo começou no sábado / Karel Reisz
  55. A aventura / Michelangelo Antonioni
  56. O ano passado em Marienbad / Alan Resnais
  57. Lawrence da Arábia / David Lean
  58. Dr. Fantástico / Stanley Kubrick
  59. A batalha de Argel / Gillo Pontecorvo
  60. A noviça rebelde / Robert Wise
  61. Andrei Rubled / Andrei Tarkovsky
  62. The Chelsea girls / Andy Warhol e Paul Morrissey
  63. Bonnie e Clyde – uma rajada de balas / Arthur Penn
  64. Meu ódio será sua herança / Sam Peckinpah
  65. Sem destino / Dennis Hopper
  66. O conformista / Bernardo Bertolucci
  67. O poderoso chefão / Francis Ford Coppola
  68. Aguirre, a cólera dos deuses / Werner Herzog
  69. Nashville / Robert Altman
  70. O império dos sentidos / Nagisa Oshima
  71. Tráxi Driver / Martin Scorsese
  72. Noivo neurótico, noiva nervosa / Woody Allen
  73. Guerra nas estrelas / George Lucas
  74. O casamento de Maria Brown / Rainer Werner Fassbinder
  75. O franco atirador / Michael Cimino
  76. Et, o extraterrestre / Steven Spielberg
  77. Blad Runner – o caçador de androides / Ridley Scott
  78. Paris Texas / Wim Wenders
  79. Heimat / Edgar Reitz
  80. Vá e veja / Elem Klimov
  81. Veludo Azul / David Lynch
  82. Shoah / Claud Lanzmann
  83. Uma janela para o amor / James Ivory
  84. Mulheres à beira de um ataque de nervos / Pedro Almodóvar
  85. Cinema Paradiso / Giuseppe Tornatore
  86. Faça a coisa certa / Spike Lee
  87. Lanternas Vermelhas / Zhang Yimou
  88. Os imperdoáveis / Klint Eastwood
  89. Cães de aluguel / Quentin Tarantino
  90. Trilogia das cores / Krzysztof Kieslowski
  91. Através das oliveiras / Abbas Kiarostami
  92. Quatro casamentos se um funeral / Mike Newell
  93. Toy Story / John Lasseter
  94. Fargo – uma comédia de erros / Joel Choen
  95. O tigre e o dragão / Ang Lee
  96. Amor à flor da pele / Wong Kar Wai
  97. Traffic / Steven Soderberg
  98. O senhor dos anéis / Peter Jackson
  99. Cidade de Deus / Fernando Meirelles
  100. Brilho eterno de uma mente sem lembranças / Michel Godry

Um comentário sobre “GRANDES FILMES SEGUNDO A ZAHAR

  1. Hila Flávia Marinho Teodoro

    Moacyr, como seu texto foi escrito no dia do mês aniversário, meu e do papa Francisco, quero comentar sobre um filme que muito amo, que é o VINHAS DA IRA. Dos cem filmes, devo ter visto mais de dois terços, graças a Deus. Mas sobre o VINHAS DA IRA, no livro há uma passagem muito importante que desde que li ficou na minha cabeça e me norteia quanto á avaliação dos sentimentos dos que amo, principalmente filhos e netos.

    Quando Jod sai da prisão e se encontra com a mãe, aquela mulher valorosa, eles conversam um pouco. Quando Jod se afasta, o pai pergunta se ela está preocupada com o filho e ela responde que não, pois não encontrou no olhar dele nenhum sinal de ódio. Que empatia maravilhosa entre mãe e filho, entre pessoas que se respeitam e se amam. Eu procuro ver no olhar dos meus o sentimento que os embala, e, até agora, não me enganei. O filme consegue uma coisa rara, que é o de não deturpar o clima do livro e nem de decepcionar o leitor que se envolveu com a história da família. Sobre cada filme poderíamos tecer um comentário que justifica sua inclusão em obra extraordinária. Gosto muito de lista por causa disso. Dá chance de pensar.
    Obrigada pelo presente.
    Abração

    Hila Flávia

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *