MONA LISA  (Aula nº 47 B)

Siga-nos nas Redes Socias:
FACEBOOK
Instagram

Autoria de LuDiasBH

Já vimos em aulas passadas que Leonardo da Vinci é — ao lado de Michelangelo e Rafael Sanzio — um dos artistas mais brilhantes da arte florentina. Estudamos na aula passada seu afresco intitulado “A Última Ceia” e agora vemos outra de suas obras, possivelmente a mais notável delas e a mais conhecida em todo o mundo. Primeiramente é necessário acessar o link Da Vinci – MONA LISA e ler o texto com muita atenção, sempre voltando a esse quando se fizer necessário:

Obs.: Enriqueça a sua capacidade interpretativa das obras de arte acessando o link acima. Faz-se necessário ler o texto integralmente.

  1. Mona Lisa ou La Gioconda é uma das mais famosas obras de Leonardo da Vinci e o mais famoso retrato de toda a história da arte. A pintura foi iniciada pelo artista em Florença, passou pela segunda temporada do pintor em Milão e foi levada com ele, ainda inacabada para a ………………… onde permanece até os dias de hoje.

    1. Alemanha
    2. França
    3. Inglaterra
    4. Holanda

  2. Segundo alguns da arte, Da Vinci conseguiu o sorriso enigmático de Mona Lisa:

    1. Ao sombrear sutilmente os cantos dos olhos e da boca da mulher.
    2. Ao criar ondulações nos seus cabelos e na sua vestimenta.
    3. Ao fazer com que ela dirigisse seu olhar ao observador.
    4. Ao mostrá-la simples e totalmente desprovida de adornos.

  3. Leonardo da Vinci usou em sua pintura uma técnica denominada:

    1. afresco
    2. chiaroscuro
    3. sfumato
    4. têmpera

  4. Cerca de 400 anos após ser concluído (agosto/1911), o quadro foi roubado, o que motivou a prisão ou o interrogatório de várias pessoas, dentre elas a do poeta francês ………………. e a do pintor espanhol……………..

    1. Charles Baudelaire e Salvador Dalí
    2. Victor Hugo e Francisco de Goya
    3. Paul Verlaine e Diego Velázquez
    4. Guillaume Apollinaire e Pablo Picasso

  5. O sorriso enigmático da dama retratada deve-se à técnica de deixar os cantos da boca indefinidos para que:

    1. O espectador complete as formas com o seu olhar.
    2. Possibilite o olhar da dama vagar em várias direções.
    3. Ela expresse um sorriso ao mesmo tempo alegre e triste.
    4. A retratada mostre seus vigorosos sentimentos.

  6. A mulher não possui sobrancelhas e nem cílios, levando em conta o costume………… da época em que viveu o artista.

    1. romano
    2. florentino
    3. genovês
    4. bolonhês

  7. Em relação à paisagem que aparece em segundo plano podemos afirmar que:

    1. Possui os dois lados similares.
    2. O horizonte direito é menos alto.
    3. O horizonte esquerdo é mais alto.
    4. Possui os dois lados iguais.

  8. Com sua grande capacidade de observação, Leonardo da Vinci chegou à conclusão de que os contornos só serviam ao desenho, sob a alegação de que:

    1. Eles não existem na natureza.
    2. Eles estão presentes em tudo que existe.
    3. Eles servem para eliminar os detalhes.
    4. Eles são o ponto principal da pintura.

  9. Para eliminar os contornos da pintura, Da Vinci esfumaçava as cores, fazendo uma suave fusão entre elas, deixando ao observador a tarefa de delimitá-los com os próprios olhos. Tal técnica pode ser vista principalmente no rosto de Mona Lisa.

    A afirmação acima, de acordo com o estudo da obra é:

    1. infundada
    2. incorreta
    3. enganosa
    4. correta

  10. Mona Lisa, como o quadro mais famoso do mundo, adquiriu um estatuto de…………., sendo numerosas as suas reproduções e utilização na publicidade, nos objetos do dia a dia e como referência cultural.

    1. pintura intocável
    2. ícone cultural
    3. símbolo da arte
    4. joia rara da pintura

Gabarito
1.b / 2.a / 3.c / 4.d / 5.a / 6.b / 7.c / 8.a / 9.d / 10.b

Obs.: Conheça mais sobre a vida do artista acessando o link abaixo:
Mestres da Pintura – LEONARDO DA VINCI

2 comentários em “MONA LISA  (Aula nº 47 B)

  1. Adevaldo R. Souza

    Lu

    Muito interessante a análise dessa grande obra de Leonardo da Vinci. Depois da análise de obras aqui estudadas, a gente vê a composição com outros olhos e não como uma obra comum, feita por um grande artista. O que chamou minha atenção, além da expressão de Mona Lisa, foi a percepção de que a modelo está se separando da paisagem de fundo. Aproximei e afastei da foto mostrada para sentir essa percepção.

    Responder
    1. LuDiasBH Autor do post

      Adevaldo

      A análise de uma composição prepara nosso olhar para ver com mais acuidade. O cérebro fica mais atento aos detalhes e a novas possibilidades. Olhando a imagem, realmente existe a percepção de que ela se afasta do fundo da paisagem, como se dali estivesse a distanciar-se. É interessante notar como os seus olhos estão cada vez mais treinados para absorver detalhes que a muito outros passam despercebidos. Estou encantada com o seu empenho pelo curso e pelo quanto vem se tornando um mestre no assunto.

      Abraços,

      Lu

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *